Respostas às perguntas

Mыhiba! Vale a pena processar?

Mыhiba! Vale a pena processar?


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Nem tudo correu como planejado. Vale a pena ter uma ação judicial se a criança foi ferida durante o parto?

Mыhiba! Vale a pena processar?

A maioria dos bebês, pais, nem sequer vira a cabeça para litigar. Ou porque tudo foi considerado bom em relação à assistência aos pais ou à saúde ou porque a família não chegou tão longe, mas os custos prováveis, o longo litígio não os impediu, ou porque o fizeram. Ao mesmo tempo, parece que o número de casos de danos (ninguém mantém estatísticas sobre eles) e o número total de danos sofridos, o que é muito importante. ela estava esperando seu primeiro bebê, ela era um idiota. Seu médico garantiu que ela ficaria bem, seus quadris eram largos, seu bebê não era grande e ela daria à luz sem problemas. Nunca foi assim. No período pós-parto, justamente quando o cordão umbilical foi comprimido entre o osso pélvico e o último nascimento do bebê, a fadiga pareceu parar por alguns minutos. De repente, havia muitos na sala, sentindo a tensão no estômago deprimido. Então, a certa altura, o bebê nasceu com um peso muito alto ao contrário de estimativas preliminares.
Ele não chorou, não deu nenhum sinal. Foi só depois de um longo despertar que uma voz fraca, rouca e grave foi ouvida. Naquela época, os primogênitos estavam lá, levaram o menino para a unidade de terapia intensiva. Embora sua condição tenha melhorado muito, ele nunca se tornou uma pessoa saudável. Desenvolvedores especiais, jardim de infância especial e depois a escola. O superintendente, a cadeira de rodas, nunca havia aprendido a falar, apenas com os olhos, mas, segundo J., seu filho de 22 anos havia feito tudo. Papai não está conosco, seus casamentos se foram depois de dois anos. A vida de J. basicamente corre apenas para o bebê, sob cuidados excepcionais.
"Não, nunca pensei em um idiota", ele responde. "Eu sei que meu médico queria você, você não pode garantir que meu corpo não funcionasse como deveria ... e naquele momento não estava na moda litigar."
No meio de uma disputa com o Z agora acionado, ela de repente abaixou a voz e o bebê decidiu se submeter à anestesia com anestesia, pois não havia chance de ela ter um bebê. A primeira classificação Apgar do garoto foi de 5 e, dez minutos depois, ele tinha 9. Então parecia que estava tudo bem.
Mas com o passar dos anos, Z tornou-se cada vez mais problemático. Ele havia aprendido coisas novas, tinha dificuldade em se adaptar e muitas vezes era muito agressivo com os ovis. Conselheiro educacional, psicólogo, pedagogo do desenvolvimento, neurologista - todo mundo gostava dos pais. A conclusão foi que Z. tinha uma escassez aguda de oxigênio devido à falta de oxigênio durante o parto, resultando em uma baixa glândula tireóide. Depois de irem à terapia, ao desenvolvimento (mais de um de cada vez), eles esperam que, quando a criança for à escola, sua condição melhore. Os pais lançaram um mhibhibap contra os pais.

Amanteigado: O que nós queríamos?

Durante minha recente carreira como trainee, entrevistei muitas vezes sobre vestir-se da maneira mais diversificada possível. Ele tem quinze anos para fazer isso dr. Pedro de Krasnaya Falei sobre o aumento lento, mas constante, da taxa de parto cesáreo, com o nascimento de uma nova técnica cirúrgica que se disseminou na Hungria. Listou algumas boas razões, mas ele acrescentou, citando um nascimento americano: ninguém foi processado porque ele teve uma cesariana. Você faz isso com muita frequência porque não fez ou não fez a tempo. Agora qualquer pessoa na Hungria poderia dizer isso.
Há sete anos, a observação nacional de pássaros não era muito superior a dez por cento. Eles só recorreram a essa solução em caso de necessidade. Para bebês raramente nascidos, por exemplo, raramente é esse o caso, quando se pode contar com outras complicações e dificuldades. Hoje, existem muito mais castanhas no país, onde cada segundo nasce com uma xícara, e a proporção nacional é de 33%. Se alguém disser "sem indicação médica", você receberá, mesmo que não o supere.
Se o médico quiser cutucá-lo, você pode achar fácil. Por exemplo, Faros dá à luz a profissão médica de hoje por acaso, para que eles não possam realmente praticar como ajudar efetivamente. Atualmente, a primeira ventosa é feita rotineiramente por cesariana, mas mais frequentemente os filhotes são muito mais prováveis ​​que os nascimentos naturais. De fato, os testes mostraram numericamente o que sempre se soube: para um feto fetal, é mais arriscado ter um bebê do que um bebê no cefalópode e o primeiro a nascer.
Depende de muitos fatores, qual o tamanho do risco, mas quem está disposto a assumi-lo? Muitos pais estão lentamente estendendo essa abordagem ao nascimento natural: complicações incalculáveis, prolongadas e inesperadas sempre podem ocorrer, e você deseja que sua carreira seja honrada, diminuída,

O médico está em uma posição difícil

dr. Martini Yen

Mas o parto cesáreo garante que seu bebê seja saudável? Seria simplesmente tanto tempo gasto em dar à luz, mas um método mais gerenciável, mais previsível e mais seguro de ajudar nossos filhos no mundo, e isso não passa de uma delícia? -Terá acesso total ao site dos pais, abordando a solicitação.
O pedido dr. Martini Yen Atuamos como advogada, dando à luz uma mulher que lida com o réu, médico e representante do hospital há mais de sete anos, e disputas em litígios (litígios).
- Na década de 1990, era comum haver muitos processos judiciais entre um dos hospitais distantes e um contra o outro. Isso foi rastreado principalmente por razões sociais e não profissionais, o que me permitiu assumir o papel de um "iniciante", que essencialmente falou aos pais sobre o processo. Isso se tornou o que foi chamado de "processos judiciais por sorte".
Em 2005, comparei a situação americana à do meu país de origem e havia diferenças entre os dois, e pensei que a situação se tornou crítica na Hungria, e ainda é verdade hoje. Hoje, o médico está em uma posição mais difícil do que ele, porque, além dos aspectos profissionais, os aspectos legais da prática médica estão se tornando cada vez mais importantes na prática do médico. O médico age legalmente se adere à Lei de Saúde e age de acordo com o protocolo profissional, a literatura geralmente aceita e os regulamentos padrão. Anteriormente, o resultado deste estudo era material para o resultado do estudo.
Atualmente, existe um papel muito mais importante para o livre julgamento da pele quanto ao que o médico está solicitando, incluindo, entre outras coisas, a possibilidade de reparar a lesão. A maioria das regras da medicina permite, e até espera, o equilíbrio. É por isso que dois profissionais podem formar uma opinião diferente sobre a mesma solicitação profissional.
Há um papel tremendo para abortos espontâneos em um aumento tão drástico na taxa de cesariana. A base profissional ainda se baseia na visão de que todas as condições fetais inevitáveis ​​com o uso dos métodos de diagnóstico disponíveis na área devem ser tratadas em tempo hábil. Também deve ser considerado o risco de riscos maternos e fetais. Felizmente, eventos sérios de câncer materno ocorrem com menos frequência hoje, o que significa que a incidência de possíveis riscos de intervenção é reduzida.
No entanto, é verdade que há muitas vezes mais cesariana hoje do que em seu último ano, o número de crianças com paralisia cerebral não mostra melhora significativa nas estatísticas. Porque sabemos que a deficiência cerebral devido à deficiência de oxigênio pode ocorrer logo antes do nascimento. Além disso, não há nenhum teste que possa indicar a deficiência fetal de oxigênio com cem por cento de confiabilidade, para a qual podemos deduzir apenas dos resultados de vários métodos diferentes hoje! É por isso que acho certo ter um estado fetal relaxado ou inquieto na terminologia.
Uma proporção significativa de litígios sobre o nascimento ocorre devido à falha na realização de uma cesariana ou falha na avaliação inadequada ou perda dos resultados, que se diz ter paralisia cerebral ou perda anterior.

384

Alguns dizem que é bom, não é bom para os outros, mas é inevitável, é outro nojo e anti-mulher.
- Sim, está ficando cada vez mais cervical! ele diz dr. Simon Tambs Advogado, chefe do escritório de advocacia nº 384. - Estive envolvido em vários processos movidos pelo autor, que foram iniciados porque não concluíram uma incisão cervical, mas foram concluídos apenas nos últimos dois anos.
- Os bebês não podem dar à luz ou se sentir bem com o que é certo para eles. O copo não é perigoso para eles. Esses eventos podem colocar a mãe em risco. Mas mesmo se distrair com uma infecção não é o mesmo que uma criança deficiente em oxigênio significa: ela não fala, não fala com nenhuma criança mais nova;
Infelizmente, vejo o lado ruim do parto, um sintoma que poderia ter sido evitado com a cesariana anterior. Todos os meus filhos também nasceram, e é muito legal: eles são saudáveis.
Fundada na Hungria pelo Office 384, recentemente falecido dr. Бdбm Gyцrgy começou a lidar com os primeiros erros no final dos anos 80, durante o período de transição. Aqui é onde a maior parte da experiência contenciosa é reunida, mas hoje existem oito a dez escritórios especializados nessa área.
- O maior litígio é devido aos nascimentos, onde nascem os mais denunciados e as taxas mais altas nessa área. Além disso, as práticas que definem a prática da pele são geralmente causadas por nascimentos - resume dr. Simon Tamбs a experiência.
Obviamente, em todos esses casos, a questão principal é o que deveria ter sido feito para evitar a tragédia. No mínimo, as mães estão particularmente interessadas em fazê-lo.
- Deve se comportar como um consumidor! - sugere o dr. Simon Tambs. - A gravidez não é uma doença, portanto a mãe não deve estar doente. Antes de mais nada, pergunte, por favor, fique à vontade para perguntar sobre murta sempre que possível. Não agüente que o médico escolhido demore apenas vinte minutos em cada consulta, mas espere lidar com o problema até que ele seja resolvido.
Atualmente, o médico eleito tem apenas direitos e recebe uma relação de confiança, não tem responsabilidade profissional e as instituições são responsáveis ​​por suas atividades. No futuro, se a profissão de enfermagem mantiver a capacidade de escolher um médico, também haverá um senso de responsabilidade por parte dos médicos escolhidos.

Se você sente pena de mim

O Dr. Simon Tamabs listou aos leitores da Mulher Grávida quais procedimentos estão disponíveis no momento e quais podem ser as consequências. Qualquer um dos procedimentos acima pode ser iniciado em paralelo devido à negligência profissional do médico ou profissional de saúde.
1. Ética na câmara profissional
Quem o inicia não se beneficia. Não é complicado, não custa dinheiro: você simplesmente precisa registrar uma reclamação e enviá-la à câmara apropriada, onde será investigada por um painel. Isso pode resultar em aviso, dinheiro, suspensão da etiqueta da câmara ou, em casos graves, desqualificação. Este último praticamente significa que a pessoa não pode trabalhar como médico. Se você tiver uma morte ou lesão, não é ético pensar.
2. Se você foi enganado por um médico
Você pode se registrar no seu local de trabalho. Se o seu médico tiver um membro da equipe, você poderá iniciar, dispensar ou desqualificá-lo da ação disciplinar. Pode ser bem-sucedida se a solicitação do reclamante e a solicitação de emprego forem iguais.
3. Procedimento Administrativo
Um hospital, bt., Ltd., licenciado para operar, pode ser processado pela Administração de Enfermagem por até um ano após o evento. Eles devem instruir o diretor médico a esclarecer se ocorreu alguma omissão. Se o fizerem, iniciarão um procedimento eficaz, que poderá resultar em um aviso e entre trinta mil e cinco milhões de forints. No entanto, isso é, no máximo, uma satisfação moral para o reclamante, que nem sequer tem acesso a uma opinião por escrito do supervisor especialista.
4. Processo Penal
A vítima pode registrar uma queixa contra o médico, seguida de uma investigação detalhada e extensa do crime, a vítima pode estar presente durante o procedimento, mas pode não ter nenhuma influência no curso. Sanção pecuniária, sentença de prisão suspensa, sentença de prisão executória ou desqualificação temporária da prática da profissão. Um elemento essencial é uma DEVE e CERTO: O médico fez tudo o que ele ou ela DEVE ter feito em determinada situação e, se ele ou ela fez, o problema poderia ter sido evitado.
5. Revisão do cartão Polgárri por
Esta é a solução mais eficaz: cometer erros, ter problemas, pagar - para que você possa reservar sua essência. Dessa forma, fornece duas coisas: se o médico cometeu um erro e, em caso afirmativo, quanto dano causou e quanto dano causou.
O autor e seu advogado dirigem o procedimento, que pode levar de seis a oito anos, e o objetivo não é o médico, mas o hospital, o paciente, que está no relacionamento legal. Sua essência pode ser resumida: o médico fez tudo o que pôde na situação e, se o fizesse, as chances de evitar o problema teriam sido maiores.
O dano é coberto pela companhia de seguros de saúde no valor de cinco milhões e, acima de tudo, os contribuintes são pagos no mesmo valor. A maior parte disso se deve à falha da cesárea ou ao não reconhecimento do distúrbio do desenvolvimento, erro diagnóstico.
Não deve ser negligenciado o fato de que os custos legais e a taxa de sucesso nesse caso podem ser de 15 a 30%. No entanto, os advogados geralmente não solicitam trabalho com antecedência e, além disso, podem cobrir os custos envolvidos no procedimento.
Artigos relacionados:
  • Por que há tanta cesariana?
  • Faros é o bebê!
  • O interesse das Casas é a cesariana múltipla
  • Huh, mas por que?


  • Comentários:

    1. Tonauac

      Não posso participar agora da discussão - está muito ocupado. Voltarei - vou necessariamente expressar a opinião.

    2. Gerald

      He is very grateful for the assistance in this matter, I would also like something you can help?

    3. Bazil

      Eu concordo plenamente com você. Eu acho que é uma boa ideia.

    4. Shakarr

      Eu parabenizo, que palavras ..., ideia brilhante

    5. Stiles

      É claro. E eu encontrei isso. Vamos discutir esta questão. Aqui ou em PM.

    6. Vito

      Sinto muito, mas, em minha opinião, você está enganado. Vamos discutir isso.



    Escreve uma mensagem